Tutorial para iniciantes: 5 dicas para investimento em criptomoedas

Confira nosso novo tutorial com dicas para começar a investir em criptomoedas!

Risco = Lucro

Altos retornos com criptomoedas provém da alta volatilidade do mercado. É comum uma altcoin ter variação maior que 50% dentro de 24 horas. E mesmo o Bitcoin, a criptomoeda com maior capitalização de mercado, já registrou oscilações de mais de 10% em um único dia.

Vale lembrar o princípio do investimento: risco = lucro

O risco que reside nas compras e vendas de criptomoedas é relativamente alto em comparação a câmbios, futuros e ações. Consequentemente, o retorno poderá ser mais atraente que investimentos tradicionais.

Diversifique sua carteira

“Não coloque os ovos na mesma cesta.”

Essa lógica é aplicável também para investimento de criptos.

Se você utilizar todo o seu recurso para comprar uma única criptomoeda, você poderá perder oportunidades de cobrir riscos com outras criptos.

 

Bitcoin, e Ethereum são algumas das criptos mais valorizadas do mundo. Quando elas tem uma forte valorização, uma parte do capital investido nelas pode sair do investimento de altcoins menos valorizadas, resultando na queda dos valores dessas altcoins. Ao contrário, valorização repentina das altcoins pode atrair dinheiro dos investimentos em BTC e ETH.

Existem situações especiais que as  altcoins cujos valores são atrelados ao cenário de certa cripto só recebem valorização quando a cripto atrelada segue em direção de baixa, como o EOSBEAR, e ETHBEAR. O EOSBEAR é um token que busca um retorno que corresponda a -3 vezes o retorno diário de EOS.

Por outro lado, as stablecoins, como o próprio nome indica, possuem um valor estável, por exemplo, o preço da USDT é atrelada ao dólar americano.

Por isso, é aconselhável que diversifique sua carteira com criptos diferentes para diminuir os riscos de investimento.

Comprar em baixa e vendar na alta

A dica mais básica para lucrar com criptos é comprar em baixa e vender na alta. Aliás, nem todas as pessoas conseguem aplicá-la em seus investimentos por mais simples que seja, já que elas podem ter comprado criptos na alta devido ao FOMO (medo de ficar de fora) e ter vendido criptos em baixa por causa do medo de perder mais.

Uma boa dica para evitar essa situação é aprender a utilizar a função stop-limit para definir os preços de take-profit e stop-loss e evitar ser influenciado por reações de outros investidores.

Nota-se que os ajustes de preço sempre antecedem uma valorização, no qual a queda do preço pode ser visto como uma oportunidade de aumentar sua posição da carteira com pouco custo.  E as valorizações acabam após testar o próximo nível de resistência.

Investimento a longo prazo

Investimentos de curto prazo exigem estratégias mais complexas e análises mais profundas.

Nesse sentido, os iniciantes podem adotar o investimento a longo prazo.

Uma boa dica é comprar quando a cripto estiver no período de ajuste e definir seu preço de venda desejada por um longo período (uma semana ou um mês). Você pode continuar a comprar com preço mais baixo mas não venda as criptos antes do preço definido ser atingido.

Retorno de 1000% não é nada raro no mundo criptos, mas a maioria dos casos acontecem com os investimentos de longo prazo acima de 1 ano.

Continue aprendendo

A tecnologia blockchain por atrás das criptomoedas é algo que está revolucionando o mundo em que vivemos.

Se decidir iniciar seus investimentos em criptos, você deve manter o entusiasmo para aprender coisas novas. Pode ser o white paper de um projeto, os gráficos de criptos ou análises técnicas.

Assim você consegue ter mais confiança ao tomar decisões diante da volatilidade do mercado.

Caso tenha interesse em saber mais sobre mundo cripto, leias outros artigos no blog da NovaDAX.


 

Tags: #NovaDAX #Bitcoin #Blockchain #Comprar Bitcoin #Criptomoedas #ComprarETC #halving #2020 #investimento #altcoins #aprendizagem #iniciantes #FOMO


Compartilhar

Leave Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *