O Que É Taxa Selic e Como Ela Impacta na Sua Vida Financeira

É provável que você já tenha lido em alguma notícia ou visto nos telejornais sobre o aumento ou diminuição dos juros. Entretanto, você sabe, realmente, o que é taxa Selic? Todo investidor, mesmo que focado em outros segmentos, como o das criptomoedas, deve entender como funciona e sua importância para a economia.

Continue lendo este artigo para conhecer a relevância dessa taxação para o mercado financeiro brasileiro!

Afinal, o que é taxa Selic?

Qualquer aspirante a investidor deve saber o que é taxa Selic. Afinal, trata-se de juros básicos que o Banco Central define para controlar a inflação. Isso significa que, mesmo que você seja um especialista em criptomoedas, é preciso estar atento, uma vez que a flutuação na economia brasileira pode influenciar em seus negócios.

A sigla vem de Sistema Especial de Liquidação e Custódia e trata-se de uma taxação utilizada para operações interbancárias. Ela ainda é essencial para a regulação do mercado e controle de emissão, compra e venda de títulos do Tesouro Direto Nacional.

Como exemplo de uso para entender melhor o que é taxa Selic, imagine o seguinte cenário: todos os dias, correntistas depositam e sacam dinheiro dos bancos. Quando há um grande volume de saques, a empresa fica com dinheiro “faltando” e, na compensação diária, pega emprestado. Ao devolver, é preciso pagar juros, que são, justamente, os dessa taxação.

Como é calculada da taxa Selic?

O Comitê de Política Monetária do Banco Central (COPOM) é o responsável por analisar os movimentos financeiros do Brasil e compreender a situação da inflação. A cada 45 dias é definida uma meta de acordo com o que foi constatado para regular a taxa de acordo com as estimativas do próximo período.

A taxa Selic hoje opera em 3% ao ano, com estimativas de redução para 2,25% — o que seria um valor mínimo histórico. 

Qual a influência dessa taxa de juros nas finanças?

Por meio da porcentagem é possível entender quais as previsões do Comitê para o próximo semestre. Quando a taxa Selic diminui, significa que há um maior incentivo para créditos e consumo — sempre com cuidado para que os preços não subam acima da inflação.

Entretanto, ao aumentar a taxa, entende-se que é preciso controlar a demanda e dificultar o crédito — nesse momento, há um estímulo para fazer poupanças. Portanto, conhecer o seu histórico é essencial para analisar tendências econômicas e entender qual a melhor hora de investir.

Gostou de saber o que é taxa Selic? Então leia mais artigos no blog da NovaDAX para ficar por dentro do mundo dos investimentos!

Compartilhar

Leave Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pular para a barra de ferramentas