O Que É Lastro Financeiro? Entenda!

Para se tornar um expert em finanças, câmbio e investimento, é essencial entender o que é lastro financeiro. Isso porque esse conceito é essencial para definir o valor atribuído a cada moeda e, consequentemente, as riquezas de um país.

Ficou curioso? Continue lendo este artigo da NovaDAX para entender como funciona!

Afinal, o que é lastro financeiro?

Lastro financeiro é uma espécie de garantia econômica de que aquele país possui riquezas. Para entender melhor, sua função é similar ao caso de bancos que, ao conceder empréstimos, pedem algum bem para garantir que a pessoa terá como pagar aquela dívida.

Ele é utilizado como base para a criação de uma moeda nacional, sendo necessário para regular tanto o seu valor interno quanto externo.

O que pode ser utilizado como parâmetro?

Quando esse conceito surgiu, a principal fonte de recursos dos países eram bens naturais valiosos, principalmente o ouro. Então, quanto mais reservas dessas matérias-primas, maior era a capacidade de emissão de dinheiro.

No mundo contemporâneo, muitos países passaram pela chamada “dolarização”, ou seja, começaram a utilizar suas reservas de dólar dos Estados Unidos no país como lastro financeiro. 

Porém, uma tendência crescente tem sido deixar o padrão-ouro para adotar o uso de títulos da dívida pública para estabelecer essa garantia monetária.

Como funciona o lastro financeiro?

A parametrização das moedas funciona como uma barreira para impedir a hiperinflação. Considerando que um país só deveria fazer a emissão de mais dinheiro se houver como comprovar que tem riquezas, há menor risco de desvalorização.

Inclusive, caso o governo faça a impressão de mais notas sem essa comprovação, há risco de estourar bolhas de crédito. Dessa forma, o preço de bens internos podem sofrer com altas taxas de flutuação, causando desequilíbrio no mercado.

As criptomoedas têm lastro?

Grande parte das criptomoedas não têm lastro financeiro. Embora muitas pessoas se preocupem e hesitem investir em moedas digitais por conta disso, essa condição não é um problema. A maioria delas foram desenvolvidas para serem descentralizadas, de modo que não precisam dessa garantia para poder sobreviver.

Porém, uma ótima opção para quem tem receio é a Tether (USDT), uma criptomoeda da categoria de stablecoins — moedas estáveis —, que funciona com base no dólar nos Estados Unidos!

Gostou de saber o que é lastro financeiro e como funciona? Então entre no blog da NovaDAX para ler mais!

Compartilhar

Leave Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *